Batendo perna

MOMA – Dia 5 – Parte 4/4

Não me julguem, realmente não entendo arte moderna e o MOMA sofreu com isso…

Quando entrei na sessão moderna do MET me senti um peixe fora d’agua, mas foi só uma sessão. No caso do MOMA foi no museu inteiro 🙁

 

Comecei pela obra do Francis Picabia – ilustre desconhecido pra mim – pelos quadros que vi ele passou por diversas fases na vida, pintou muita coisa! Algumas eu gostei, e outras não gostei , mas quem sou eu “na fila do pão” quando se trata de arte?

Algumas coisas me intrigaram mais, como esse livro, logo interpretei como se fosse a bíblia (ou outro livro religioso qualquer) que muitas pessoas pessoas usam para machucar e disseminar preconceito… mas era só um livro, mesmo assim valeu!

Algo aleatório entre os andares

Quando cheguei na década de 70 apareceram alguns carros, móveis, tudo bem familiar 🙂

Não vou prolongar muito para não cometer mais nenhuma gafe com a arte moderna. E sim vi o Picasso e Van Gogh (alguns quadros do Picabia no início de carreira até lembravam um pouco do Van Gogh), mas eram os mais concorridos então deixei para os verdadeiros apreciadores!

You Might Also Like

Leave a Reply